NotíciasBPC

Idosos do Cadastro Único têm até 30 dias para recorrer e garantirem repasse de R$ 1,4 mil, confira

O Cadastro Único é essencial para a concessão de diversos benefícios sociais, incluindo o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Manter as informações atualizadas é crucial para garantir a continuidade dos benefícios e evitar bloqueios.

O BPC, previsto na Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), assegura um salário mínimo mensal para idosos com 65 anos ou mais e para pessoas com deficiência que tenham impedimentos de longo prazo.

Idosos
idosos do Cadastro Único podem recorrer | Crédito: cadunicobrasil.com.br / Jeane de Oliveira

Como Consultar o Status do BPC

Para verificar se o BPC foi liberado, o interessado pode utilizar o site ou o aplicativo “Meu INSS” ou ligar para a Central 135. O cartão magnético gratuito é uma das formas de receber o benefício, mas há também a possibilidade de pagamento por conta-corrente ou conta-poupança.

A comunicação sobre a concessão ou não do benefício é feita através de uma carta enviada pelo INSS, detalhando a agência bancária e as datas de pagamento.

Recurso em Caso de Indeferimento

Se o pedido do BPC for indeferido, é possível recorrer da decisão nos canais de atendimento do INSS dentro de 30 dias. Os motivos comuns para indeferimento incluem a renda familiar per capita que não atende aos requisitos e a ausência de comprovação da deficiência.

A avaliação para concessão do BPC envolve tanto uma análise médica quanto social, além da verificação da renda, por isso é importante informar tudo de maneira correta.

Critérios para Concessão do BPC

Para ser elegível ao BPC, a renda familiar per capita deve ser igual ou menor que um quarto do salário mínimo. No caso de pessoas com deficiência, é necessário passar por avaliações médicas e sociais no INSS.

A inscrição no Cadastro Único é obrigatória antes de solicitar o BPC. O benefício é administrado pelo Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social e Combate à Fome, com a operacionalização feita pelo INSS.

Benefícios Adicionais e Importância da Atualização do Cadastro

Além do pagamento mensal, os beneficiários do BPC têm direito a descontos na tarifa de energia elétrica. Para manter o benefício, é fundamental manter o Cadastro Único atualizado, pois a desatualização pode levar à suspensão temporária do benefício.

Os CRAS locais são pontos de apoio para esclarecer dúvidas e ajudar na atualização do cadastro. Manter o Cadastro Único atualizado é essencial para garantir a continuidade do BPC e outros benefícios sociais. A atualização evita bloqueios e garante que os beneficiários continuem a receber o apoio necessário.

O BPC não é apenas um auxílio financeiro, mas uma forma de inclusão social para idosos e pessoas com deficiência, assegurando uma renda mínima mensal.

Facilidades de Consulta no Aplicativo Cadastro Único

O aplicativo Cadastro Único disponibiliza duas formas principais de consulta: por CPF e ao Formulário. A primeira opção, Consulta por CPF, requer apenas o número do CPF e a data de nascimento para verificar a inclusão no Cadastro Único.

A segunda opção, Consulta ao Formulário, permite uma análise completa dos dados cadastrais, com detalhes sobre o código familiar, situação cadastral, data da última atualização, data limite para atualização e blocos de informações sobre endereço, domicílio, despesas, integrantes da família e responsável familiar.

A Consulta ao Formulário requer um login no gov.br para acesso. O Responsável Familiar pode visualizar todos os dados familiares, enquanto os demais integrantes têm acesso somente a seus dados pessoais e informações sobre domicílio e família.

Entendendo a Opção “Cancele o seu cadastro” no Cadastro Único

A opção “Cancele o seu cadastro” no aplicativo ou site do Cadastro Único é uma funcionalidade essencial para usuários que se cadastraram de forma individual, mas que, na verdade, fazem parte de um núcleo familiar.

Essa ferramenta permite a exclusão do cadastro individual da base de dados, assegurando que apenas um cadastro familiar consolidado seja mantido. Isso é particularmente útil para evitar duplicidades e garantir que todos os membros de uma família estejam devidamente registrados em um único cadastro.

O aplicativo do Cadastro Único pode ser baixado tanto na Apple Store quanto na Play Store. Também é possível acessar essa funcionalidade pelo site oficial do Cadastro Único, através do link https://cadunico.cidadania.gov.br.

Como Monitorar a Atualização dos Dados no Cadastro Único

Para saber se seus dados no Cadastro Único precisam de atualização, você deve utilizar o aplicativo Cadastro Único, que exibe mensagens coloridas para indicar o estado do seu cadastro. Quando a mensagem exibida for verde, isso significa que seu cadastro está atualizado e não há necessidade de ação.

Se a mensagem for amarela, isso indica que seu cadastro está prestes a ficar desatualizado, e você deve considerar atualizar suas informações. Nesse caso, vá até um posto de atendimento do Cadastro Único para atualizar seus dados, especialmente se houver mudanças.

A mensagem vermelha é um alerta de que seu cadastro já está desatualizado, tornando a atualização cadastral urgente. Dirija-se ao posto de atendimento do Cadastro Único para garantir que todas as suas informações estejam corretamente atualizadas.

Como Funciona o Cadastro Único

Famílias de baixa renda podem se cadastrar no Cadastro Único sem custos, comparecendo a um posto de atendimento na cidade onde residem. O responsável pela família deve estar presente e trazer os documentos de todos os membros familiares que vivem juntos.

Isso inclui os CPFs de todos e um comprovante de residência, preferivelmente a conta de luz. É importante que cada pessoa esteja registrada com sua família. Este cadastro é vital para acessar diversos programas sociais oferecidos pelo governo.

Diego Marques

Tenho 21 anos e sou de Sobral (cidade onde foi comprovada a teoria da relatividade em 1919), atualmente, estou terminando a faculdade de enfermagem e trabalhando na redação de artigos, através das palavras, busco ajudar o máximo de usuários possíveis.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo